Participe do Blog Pensando Alto!

30 de maio de 2011

Colégio Pedro II: atividade 8o ano. Vídeo daTV Escola: A Corte Desembarca na Colônia.

Com base no vídeo apresente as mudanças econômicas e os tratados decretados por D. João VI que beneficiaram os comerciantes brasileiros e determinaram o fim do pacto colonial.

28 comentários:

Carlos disse...

Nome:Carlos
Número:09

A vinda da corte portuguesa para o Brasil forçada pela invasão francesa a Portugal, apoiada pela Inglaterra em troca de favores comerciais. Nesse meio tempo Dom João fez grandes melhorias na cidade do Rio de Janeiro abrindo inclusive os portos para as cidades aliadas. A escravidão ainda predominimava no Brasil. Com a saída de Napoleão de Portugal(sem rei e enfraquecido) ao contrário do Brasil com a corte e muito comércio, os ingleses sugeriram que Dom João voltasse a Portugal. Dom João então elevou o Rio de Janeiro a Reino Unido de Poutugal e Algarves. Com a Revolta de Pernambuco para se tornar uma república, uma conspiração liberal sufocada em Lisboa e uma revolução consticionalista na cidade do Porto onde Pará e Bahia se aliaram. Essa revolução queria que a monarquia e o catolicismo continuassem o que o Brasil voltasse a ser colônia. Portugal exigiu ao soberano voltar imediatamente e este deixou Dom Pedro seu filho como Príncipe Regente.

Tatii Santoro disse...

Nome : Tatiane A. Santoro
Numero : 29

As mudanças econômicas e os tratados decretados por D. João VI que beneficiaram os comerciantes brasileiros e determinaram o fim do pacto colonial foram o Alvará de 1º de abril que permitiu o desenvolvimento de qualquer atividade industrial dentro do brasil, a abertura dos portos, criação do Banco do Brasil e o Tratado de aliança, amizade, comércio e navegação

Anônimo disse...

Nome: Renan
Número: 27

Com o alvará de 1° de Abril que permitiu no Brasil o desenvolvimento industrial, a criação do Banco do Brasil, a decretação de Brasil - colônia à Brasil - Reino Unido de Portugal, o tratado de aliança e amizade e a abertura dos portos para navegações amigas. Ajudaram o Brasil economicamente e determinaram o fim do pacto colonial com Portugal.

Gabriella disse...

As mudanças econômicas foram;transformações na vida urbana e cultural da Colônia,navegação a vapor;novas estradas; estimulo do trabalho de cientistas e estudiosos que deram melhor conhecimento da flora, da fauna, da geografia e geologia brasileira.Foram instaladas a Imprensa Régia, a Biblioteca Real e o Banco do Brasil. Criaram-se a Academia Real de Belas Artes; a Academia Real Militar; o Arquivo Militar; o Teatro Real de São João, o Jardim Botânico do Rio de Janeiro; a Escola Médico-Cirúrgica da Bahia; a Escola Cirúrgica e Anatômica e Médica do Rio de Janeiro, além da criação de um curso de ciências econômicas.O fim do pacto colonial só ocorreu em 1808, com a vinda da família real para o Brasil. Dom João, Príncipe Regente, assinou uma carta Régia abrindo os portos às nações amigas, ou seja, o Brasil deixava a partir desta data de comercializar somente com Portugal.

D&d& * disse...

As mudanças econômicas e os tratados decretados por D. João VI que beneficiaram os comerciantes brasileiros e determinaram o fim do pacto colonial,Foram :
O comércio e navegação, a amizade,os tratados de aliança,a abertura dos portos,o Banco do Brasil e o Alvará de 1ºde abril
Nome:André Tavares
Nº:05

Anônimo disse...

Nome: Daffne Santana
Nº.:10 Turma : 801

A chegada da corte ao Brasil, trouxe muitas mudandas, econômicas e mudanças no estilo do país. A vinda da corte portuguesa, foi forçada pela invasão francesa a Portugal,pela qual a Inglaterra apoiou em troca de favores comerciais. Os tratados decretados (o Alvará de 1º de abril que permitiu o desenvolvimento de qualquer atividade industrial dentro do brasil, a abertura dos portos, criação do Banco do Brasil e o Tratado de aliança, amizade, comércio e navegação)
por D. João VI beneficiaram os comerciantes brasileiros e determinaram o fim do pacto colonial (monopólio do comércio da colônia pela metrópole).

Anônimo disse...

Com base no vídeo apresente as mudanças econômicas e os tratados decretados por D. João VI que beneficiaram os comerciantes brasileiros e determinaram o fim do pacto colonial:
Possibilitou o Decreto da Abertura dos Portos as Nações Amigas, Tratado de Comércio e Navegação, criação do Banco do Brasil, desenvolvimento de atividade industrial no Brasil.
Nome : Anna Angelica O. Aloise
N° 6
Turma : 801

Marcella disse...

Nome:Marcella Matos
Numero:21

D.Joao VI,possibilitou o Decreto da abertura dos Postos as Naçoes amigas,criou o Banco do Brasil,tratadode comercio e navegaçao e desenvolveu atividade industrial no Brasil.

Lily@ disse...

Aline, 801, 02
-Alvará de 1° de Abril: permitiu o desenvolvimento das atividades industriais e a abertura dos portos.(acabando com o pacto colonial).
-Tratato de Aliança e Amizade,Comércio e Navegação:
demonstrava o domínio da Inglaterra sobre Portugal com as tarifas ( somente 15% para Inglaterra), o fim do tráfico de escravos e o direito de extraterritorialidade.
-Criação do Banco do Brasil.

Rafael Filipe disse...

Durante a estadia da corte portuguesa no Brasil, houve várias mudanças econômicas e a criação de vários tratados. Dentre as mudanças econômicas ocorridas no Brasil estão: a criação do Banco do Brasil e a abertura dos portos às nações amigas, que causou o fim do pacto colonial, pois o Brasil deixou de comercializar apenas com Portugal.
Alguns dos tratados foram: o Alvará de 1º de Abril, uma lei que permitiu o desenvolvimento de qualquer atividade industrial do Brasil e o Tratado de aliança, amizade, comércio e navegação, que reafirmou os laços de cooperação e fraternidade que sempre existiram entre as duas nações, Portugal (Brasil) e Inglaterra. Esse tratado possibilitou a abertura dos portos com tarifas alfandegárias menores à Inglaterra, causando o fim do pacto colonial.

Nome: Rafael Filipe dos Santos
Nº: 25 Turma: 801
Professor(a): Clarissa

Anônimo disse...

Com a chegada de Napoleão e da corte portuguesa ao Brasil, ocorreram mudanças: a criação do banco do Brasil, hospitais, escolas e a abertura dos portos às nações amigas (o que provocou o fim do pacto colonial, já que Brasil deixou de comercializar apenas com Portugal).
O tratado decretado por D. João VI foi de Aliança, Amizade, Comércio e Navegação entre Portugal e Inglaterra.
Houve o fim do tráfico de escravos.

Maria Clara-número 22

Anônimo disse...

Nome: Tuany Soares
Número: 31

As mudanças econômicas e os tratados
decretados por D. João VI que beneficiaram os comerciantes brasileiros e determinaram o fim do pacto colonial são: O Alvará de 1° de abril que permitiu o desenvolvimento de qualquer Atividade industrial dentro do Brasil;A criação do Banco do Brasil;Abertura dos portos para as nações amigas;e o tratado de aliança, amizade, comércio e navegação com a Inglaterra.

Nicolle Araújo disse...

Nome: Nicolle de A. Araujo
Número: 23

Os tratados e as mudanças econômicas decretados por D. João, como por exemplo o Alvará de 1º de abril, Tratado de aliança, amizade, comércio e navegação, a abertura dos portos,e a criação do Banco do Brasil, possibilitaram o desenvolvimento do comércio e um novo estilo de vida para o Brasil e também possibilitaram o fim do Pacto Colonial, que consistia em um sistema onde a colônia só poderia fornecer produtos , matérias - primas à metrópole.

Brenda disse...

O Alvará de 1º de abril foi a lei que permitia o desenvolvimento de qualquer atividade industrial no Brasil. Também foi criado o Banco do Brasil. Tais mudanças foram fundamentais para o desenvolvimento do comércio no local.
Houve, também, o Tratado de aliança, amizade, comércio e navegação, o qual permitia a abertura dos portos às nações amigas, o que proporcionou o fim do pacto colonial, já que não havia mais somente a relação comercial colônia-metrópole.

Brenda, nº8

leticia Costa disse...

As mudanças e os tratados decretados por D. João V| foram : Aberturas dos portos, Banco do Brasil ,tratados da aliança, comércio, amizade , navegação.
Letícia Costa - n° 19 - turma: 801

Anônimo disse...

Mudanças econômicas :Aberturas dos portos ,Banco do Brasil ,Biblioteca Nacional tratados da aliança ,amizade , comércio e navegação .
Letícia Costa , n° 19 turma : 801

Rafael Filipe disse...

Minha resposta real (não considere a primeira):

Durante a estadia da corte portuguesa no Brasil, houve mudanças econômicas e tratados decretados por D. João VI que beneficiaram os comerciantes brasileiros e determinaram o fim do pacto colonial.. Alguns dos os tratados e mudanças econômicas ocorridas no Brasil são:

- Tratado de Aliança, Comércio, Amizade e Navegação: Tratado que reafirmou os laços de fraternidade e cooperação que sempre existiram entre Inglaterra e Portugal. Esse tratado também fez com que os produtos ingleses entrassem no Brasil pagando um imposto menor. A Inglaterra passou a pagar 15% de imposto sobre o valor das mercadorias, enquanto Portugal 16% e outros países, 24%;

- Elevação do Brasil a Reino Unido de Portugal, Brasil e Algarves;

-Criação do Banco do Brasil;

- Carta Régia de 28 de Janeiro de 1808: foi uma carta régia promulgada pelo príncipe regente Dom João de Portugal no dia 28 de Janeiro de 1808, em Salvador, na Capitania da Baía de Todos os Santos, que declarava a abertura dos portos brasileiros à nações amigas. Essa carta marcou o fim do Pacto Colonial, pois Brasil deixou de comercializar apenas com sua metrópole Portugal;

- Alvará de 1º de Abril: permitiu o desenvolvimento de qualquer atividade industrial no Brasil.

Nome: Rafael Filipe dos Santos
Nº: 25 Turma: 801
Professor(a): Clarissa

Laíse disse...

houve várias mudanças econômicas e a criação de vários tratados. Dentre as mudanças econômicas ocorridas no Brasil estão: a criação do Banco do Brasil e a abertura dos portos às nações amigas, que causou o fim do pacto colonial, pois o Brasil deixou de comercializar apenas com Portugal.como-Alvará de 1° de Abril: permitiu o desenvolvimento das atividades industriais e a abertura dos portos.(acabando com o pacto colonial).
-Tratato de Aliança e Amizade,Comércio e Navegação:
demonstrava o domínio da Inglaterra sobre Portugal com as tarifas ( somente 15% para Inglaterra), o fim do tráfico de escravos e o direito de extraterritorialidade.
-Criação do Banco do Brasil.

pois a chegada dos portugueses ao Brasil foi muito importante com isso o pais deixa de ser colonia. :D
Laise g.rocha
18
801

Biia ! disse...

O alvará de 1° de abril permitiu o desenvolvimento de qualquer atividade industrial, no brasil. A criação do banco do Brasil, a abertura dos portos e etc. Determinando assim o fim do pacto colonial.

Beatriz Rodrigues, numero 7, 801.

Biia ! disse...

O alvará de 1° de abril possibilitou a abertura dos portos, a criação do banco do brasil r o tratado de aliança, amizade comércio e navegação. Determinando assim, o fim do pacto colonial; BEATRIZ RODRIGUES. NUMERO: 7, 801;

sidney disse...

Mudanças econômicas junto com os tratados decretados por D. João VI beneficiaram comerciantes brasileiros e determinaram o fim do pacto colonial que foi o Alvará de 1º de abril que permitiu o desenvolvimento de qualquer atividade industrial dentro do brasil, a abertura dos portos, criação do Banco do Brasil, o Tratado de alinça, etc ...

Anônimo disse...

Resposta CORRETA:
(Maria Clara-801-22)

Com a chegada da corte portuguesa ao Brasil, ocorreram mudanças: a criação do banco do Brasil, hospitais, escolas e a abertura dos portos às nações amigas (o que provocou o fim do pacto colonial, já que Brasil deixou de comercializar apenas com Portugal).
O tratado decretado por D. João VI foi de Aliança, Amizade, Comércio e Navegação entre Portugal e Inglaterra-domínio da Inglaterra sobre Portugal com os impostos de apenas 15% para Inglaterra.
Houve o fim do tráfico de escravos.

Hugo disse...

o tratado de aliança e amizade e a abertura dos portos para navegações amigas fez com o que o Rio de Janeiro evoluisse assim fez D.Joao com o desenvolvimento industrial, a criação do Banco do Brasil, a decretação de Brasil isso é sendo apoiada pela Inglaterra como formas de favores comercias fazendo entao o Rio de Janeiro ficar melhor.

Nome:Hugo de Jesus.
Numero:16 Turma:801
Professora:Clarissa

Rebecca Rios disse...

-Aumentou o comércio externo brasileiro, dominado pelos comerciantes ingleses;
-Maior subordinação de Portugal à Inglaterra (Tratado de 1810);
-Aceleração do processo de independência do Brasil: De Colônia de Portugal à sede da Monarquia Portuguesa (Inversão Brasileira);
-O Brasil passa a consumir, em larga escala, os produtos manufaturados ingleses: As indústrias nacionais entram em crise;
-A quebra da estrutura colonial: Livre comércio, (acaba o monopólio) e liberdade de indústria;
-Medidas em prol do desenvolvimento cultural: criação de faculdades, órgão de ensino, etc;
-Estabelecimento das bases administrativas brasileiras;
-Mudanças de hábitos e costumes: as elites brasileiras imitam o estilo de vida europeu;

Rebecca Rios
nº26

Anônimo disse...

A vinda da corte portuguesa para o Brasil (resultado do expansionismo francês na época) ocasionou mudanças no âmbito econômico e social.
Na parte econômica, podemos destacar a criação de tratados, como o de abertura dos portos, que possibilitou o comercio entre Brasil, Portugal e aliados.
A princípio, Dona Maria, "a Louca" proibiu o funcionamento de manufaturas, porém, tempos depois, quando D. João assumiu definitivamente o posto, ele mudou esse quadro através do Alvará de 1º de Abril.
Estes tratados (de abertura de portos, de amizade, comércio e navegação) juntamente com o Alvará contribuiram para o fim do Pacto Colonial.
Por outro lado, a população brasileira também notou mudanças no âmbito social, com a criação de novas escolas, Banco do Brasil, Casa da Moeda, Imprensa Régia, Jardim Botânico, etc.

Rafael Barbosa
Nº 24
Turma 1801

Anônimo disse...

nome:Alexandre
numero:01
com a vinda da familia real para o brasil mudanças econômicas ocorreram no brasil como a criaçao do banco do brasil,o fim do pacto colonial,e Dn.joao decretou o Alvará de primeiro de abril que permitiu o desenvolvimento das atividades industriais no Brasil

Luan disse...

Logo após a chegada da família real, D. João VI decretou sua primeira e mais importante medida governamental: a Abertura dos Portos às Nações Amigas. Essa medida concedia a todas as Nações aliadas de Portugal (nesse momento a Inglaterra) o direito de comercializar com o Brasil. Assim, exclusividade metropolitana (Pacto Colonial) foi cancelada com este decreto.
O favorecimento do comércio com a Inglaterra era evidente e, em 1810, D. João VI reforçou o predomínio inglês decretando os Tratados de 1810, de comércio e navegação e o de aliança e amizade. Eles davam privilégios para a Inglaterra na cobrança dos impostos de importação. As mercadorias inglesas pagavam 15% de impostos, enquanto as portuguesas 16% e as demais 24%. Além de vantagens econômicas, os súditos ingleses não podiam ser julgados por tribunais portugueses.

Nome: Luan
Turma: 801
Número: 20

Clarissa F. do Rêgo Barros disse...

RESPOSTA:
D. JOÃO VI DECRETOU A CARTA rÉGIA EM 1808 QUE ABRIA OS PORTOS ÀS NAÇÕES AMIGAS. EM 1810 ASSINOU O TRATADO DE COMÉRCIO E NAVEGAÇÃO COM A INGLATERRA. ALÉM DISSO INVESTIU NA INDÚSTRIA, ALÉM DE ACABAR COM O PACTO COLONIAL ATRAVÉS DA ELEVAÇÃO DO BRASIL A REINO UNIDO DE BRASILE ALGARVES.